VENCEDORES I PRÊMIOS IBERDROLA SUPERA

Os Prêmios Iberdrola SuperA premiam seis projetos pelo seu trabalho de promoção da igualdade de gênero através do esporte

A promoção do esporte feminino e a inclusão é o denominador comum dos seis projetos vencedores dos I Prêmios Iberdrola SuperA, lançados pela companhia para reconhecer projetos e iniciativas esportivas desenvolvidas na Espanha a favor da igualdade de gênero e do empoderamento da mulher por meio da prática esportiva.

De um total de 400 candidaturas, o Júri de Honra — composto por treze personalidades do esporte — selecionou os projetos Fundação MAAVI Foundation Club de Fútbol (Andaluzia), Fomento Igualdad de Género (Castela e Leão), Mujer, vida y esporte (Saragoça), Mucho por hacer (Castela-La Mancha), FUTFEM.COM e Juntas Venceremos.

A cerimônia de premiação aconteceu na quarta-feira 25 de novembro de 2020 em uma cerimônia transmitida via streaming.

Os Prêmios Iberdrola SuperA premiam as atividades ou projetos que promovam a prática esportiva entre as mulheres, aumentem sua visibilidade, melhorem a logística e as instalações, incentivem a conciliação profissional e criem novas referências.

CONHEÇA OS SEIS PREMIADOS

As seis candidaturas vencedoras colocam a mulher como foco central e estão relacionadas ao esporte-base, participação em competições, integração social, inclusão, ações de visibilidade e projetos solidários durante a COVID-19. Cada uma delas foi premiada com 50.000 euros.

Conheça os vencedores e finalistas:

 Iberdrola SuperA Social - MAAVI Foundation Club de fútbol

MAAVI Foundation Clube de Futebol (Roquetas de Mar, Almeria) é um clube de futebol dirigido a meninas de 4 a 17 anos que visa, através do futebol, acabar com as desigualdades da região, onde a porcentagem de imigração é muito alta, através desse esporte. Fá-lo em quatro vertentes: desporto, nutrição, educação e integração social e laboral.

A categoria Social — que recebeu 48 candidaturas — premia a atividade, projeto e/ou programa que promova a integração social das mulheres através da prática esportiva.

O finalista foi a Escola Feminina Servalabari (Sevilha), clube de futebol com um projeto de intervenção social no bairro de Las Tres Mil Viviendas para trabalhar a igualdade de gênero.

 Iberdrola SuperA Base - Fomento Igualdad de Género

Promoção da Igualdade de Gênero na prática esportiva em idades precoces nas instituições educacionais (Castela e Leão) é um projeto da Associação de Federações Esportivas de Castela e Leão (AFEDECYL) — em colaboração com a Direção dos Serviços Sociais e o Ministério Regional de Cultura e Turismo da Junta de Castela e Leão — para fomentar a prática esportiva nas meninas de 11 a 16 anos. Conta com uma equipe de embaixadoras — atletas de porte internacional — que servem de referência para as gerações futuras e tem como meta atingir 3.000 alunos.

A categoria Base — com 97 candidaturas — premia a atividade, projeto e/ou programa que se destaque por incentivar o esporte-base entre as meninas (até 16 anos) para melhorar a saúde, integração e qualidade de vida das pessoas.

O finalista foi No solo es fútbol - Não é só futebol (Fuenlabrada, Madri), do clube esportivo Fuenlabrada Atlantis, que deseja criar uma academia para potencializar o equilíbrio entre o esporte e o desempenho acadêmico.

 Iberdrola SuperA Competição - Mujer, vida y deporte. Todas somos hockey

O Pilaricas VACH, (Saragoça) é um clube de hóquei fundado e composto por mães de jogadores infantis, que já conseguiram dois times em competições nacionais espanholas. Com Mujer, vida y deporte. Todas somos hockey (Mulher, vida e esporte. Todas somos hóquei) querem consolidar esse dois times, bem como melhorar as suas condições (obter luz, rega e melhora das suas instalações).

A categoria Competição — 110 candidaturas — premia a atividade, projeto e/ou programa que facilite a inclusão da mulher nas competições.

A Equipe Feminina de Triathlon CAPEX (Badajoz) foi finalista. Trata-se de um clube de triátlon pertencente ao clube esportivo CAPEX, que tem como meta consolidar o time feminino para participar de competições nacionais espanholas.

 Iberdrola SuperA Difusão - Futfem.com

Futfem.com, nascido em 2003, é o portal jornalístico para a difusão do futebol feminino mais antigo em língua espanhola. Com este prêmio querem se profissionalizar e obter recursos suficientes para cobrir os próximos eventos internacionais de futebol feminino, como a Eurocopa 2022 e o Mundial 2023 da Austrália.

A categoria Difusão — 110 candidaturas — premia a atividade, projeto e/ou programa que seja uma referência para a difusão do esporte praticado por mulheres e que contribua para transmitir a importância do papel da mulher no esporte e na sociedade.

O torneio Donosti Cup (San Sebastián) foi finalista. Trata-se do maior torneio internacional de futebol de base da Espanha, com uma grande participação feminina. O torneio tem 13 categorias e está aberto para jogadoras e jogadores de 10 a 18 anos.

 Iberdrola SuperA Inclusão - Mucho por hacer

Mucho por hacer - Muito por fazer (Toledo) é um programa de halterofilia da Associação Loida Zabala para treinar mulheres com lesão medular e diferentes deficiências motrizes. Sua criadora é a atleta Loida Zabala, 14 vezes campeã da Espanha e possuidora de três diplomas paralímpicos.

O projeto será desenvolvido no Hospital Nacional de Paraplégicos (HNP) de Toledo, onde serão equipadas salas com material esportivo para melhorar a condição física de mulheres com esta lesão e outras deficiências motoras.

A categoria Inclusão — 45 candidaturas — premia a atividade, projeto e/ou programa que seja um exemplo de inclusão na prática esportiva de atletas com capacidades especiais.

O projeto finalista foi Esporte e Mulher (Foothand), um programa da Fundação Accesibilidad Universal para integrar e normalizar a prática esportiva entre as meninas. Consiste na prática de futebol em cadeira de rodas com times onde podem participar tanto pessoas com mobilidade reduzida quanto sem limitações.

 Iberdrola SuperA + - Juntas venceremos

Durante a crise da COVID-19, 52 jogadoras da Primera Iberdrola, lideradas por Vicky Losada do Barcelona, lançaram Juntas venceremos: uma plataforma online com o objetivo de arrecadar fundos para material sanitário e melhorar as condições dos profissionais de saúde que dia a dia luta contra esta pandemia.

A categoria SuperA + — 20 candidaturas — premia a atividade, projeto e/ou programa com finalidades solidárias, desenvolvidos durante a crise da COVID-19 por parte de atletas, federações ou outras entidades relacionadas à atividade esportiva.

O finalista foi DeporteNAS, um programa da Associação Espanhola de Psicólogos Especialistas em Alta Sensibilidade (PAS Espanha) de ajuda psicológica a mulheres e meninas esportistas após a crise da COVID-19.

JÚRI DE HONRA

As candidaturas foram selecionadas por um Júri de Honra composto por 13 figuras de destaque do esporte espanhol, oito mulheres e cinco homens:

  • Amanda Sampedro, capitã do Atlético de Madrid feminino e da Seleção espanhola.
  • Carolina Marín, primeira jogadora de badminton espanhola considerada a número 1 da história.
  • Conchita Martínez, ex-tenista e ex-capitã das seleções espanholas feminina e masculina de tênis.
  • Javier Fernández, melhor patinador da história da Espanha.
  • Jesús Carballo, ex-ginasta e presidente da Real Federação Espanhola de Ginástica.
  • Manu Carreño, jornalista especializado em esportes.
  • Marta Arce, judoca paralímpica.
  • Paloma del Río, voz das transmissões de competições de ginástica rítmica, ginástica artística, patinação artística e hípica da TVE. Atualmente é coordenadora de Patrocínios e Federações da Rádio e Televisão Espanhola (RTVE).
  • Sandra Sánchez, carateca, número 1 do ranking mundial WFK.
  • Silvia Navarro, capitã da seleção espanhola de handebol.
  • Talant Dujshebaev, um dos melhores jogadores de handebol de todos os tempos.
  • Teresa Perales, nadadora paralímpica.
  • Vicente del Bosque, treinador de futebol e ex-treinador da seleção nacional da Espanha.

No total, foram recebidas mais de 400 candidaturas de associações, clubes e federações esportivas nacionais e regionais, escolas do ensino fundamental e médio e entidades públicas ou privadas que desenvolveram ou estão atualmente gerenciando uma carreira esportiva ou algum projeto alinhado aos objetivos dos prêmios.

Os Prémios Iberdrola SuperA estão alinhados com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da Agenda 2030 das Nações Unidas para 2030, nomeadamente com o 5 (Igualdade de género e empoderamento das mulheres) e o objetivo 3 (Saúde e bem-estar).