NotíciaVolver

09/06/2020

Ignacio Galán, Presidente da Companhia, e o Lehendakari (Presidente do Governo Basco) Íñigo Urkullu estiveram presentes (Torre Iberdrola de Bilbau) na assinatura de cinco novos acordos institucionais para promover a transição energética e a criação de emprego

Iberdrola apoia os fornecedores bascos com mais de 2,2 bilhões de euros em adjudicações nos últimos 18 meses

  • A Companhia anuncia cinco novos acordos com as empresas Ingeteam, Tamoin, Ormazabal-Velatia, MESA e o Grupo Arteche que, somados aos assinados nos últimos 18 meses, perfazem 500 milhões de euros
  • Estas empresas bascas proporcionam equipamentos e serviços essenciais relacionados com as energias renováveis, redes de distribuição e sistemas de armazenamento energético eficientes
  • Ignacio Galán assegurou que “a indústria do País Basco está na vanguarda da Europa em uma área considerada pela Comissão Europeia como fundamental para a recuperação e o futuro do continente: a transição energética”

A Iberdrola novamente deixou claro seu apoio ao tecido industrial basco por meio da assinatura de cinco novos acordos com fornecedores de referência - Ingeteam, Tamoin, Ormazabal-Velatia, MESA e Grupo Arteche - para o abastecimento de equipamentos e serviços destinados a seguir promovendo a transição energética.

Estes contratos se somam aos mais de 2,2 bilhões de euros adjudicados pela Iberdrola a empresas bascas somente nos últimos 18 meses, dos quais 500 milhões de euros corresponderam às cinco empresas mencionadas.

A assinatura de tais acordos ocorreu nesta manhã no decorrer de um ato na Torre Iberdrola sob o lema Acordos do Grupo Iberdrola com empresas bascas para o fornecimento de equipamentos e serviços. A transição energética, motor de crescimento e emprego, ao qual estiveram presentes o Presidente da Iberdrola, Ignacio Galán, e o Lehendakari Íñigo Urkullu. 

No referido encontro, também estiveram a Conselheira Basca de Desenvolvimento Econômico e Infraestruturas, Arantxa Tapia, o deputado-geral de Biscaia, Unai Rementería, e representantes dos cinco fornecedores subscritores: Javier Ormazábal, Presidente da Ormazabal Velatia; Teresa Madariaga, Presidenta da Ingeteam; Alexander Arteche, Presidente do Grupo Arteche; Antonio Barrenechea, Presidente da Tamoin; e Frederic Alves Ferreira Rebelo, Diretor-geral da MESA.


“Uma excelente oportunidade para a indústria basca”

Em seu discurso, Galán assegurou que a assinatura desses contratos deixa bem claro que “a indústria do País Basco está na vanguarda da Europa em uma área considerada pela Comissão Europeia como fundamental para a recuperação e o futuro do continente: a transição energética”.

Neste sentido, indicou que tanto o plano Next Generation EU de Bruxelas quanto o Plano Nacional Integrado de Energia e Clima espanhol “significam uma excelente oportunidade para a indústria basca, que possui uma ótima experiência e competitividade em áreas como: redes inteligentes, veículos elétricos, sistemas de recarga, eletrificação da climatização e, evidentemente, energias renováveis”.

Estamos só no princípio de uma grande transformação. O consenso sobre os enormes investimentos necessários para tornar realidade a transição energética é unânime. Temos acesso ao talento, à tecnologia e aos recursos financeiros para concretizar esta oportunidade.

Assim sendo, em 2020 os investimentos da Iberdrola acelerarão até atingir 10 bilhões de euros, quase duplicando a média dos últimos exercícios. Para conseguir este objetivo, a Companhia adiantou pedidos nos últimos meses por um valor de 4,2 bilhões de euros a seus fornecedores, o que lhe permitiu seguir exercendo um efeito indutor no tecido empresarial e industrial das regiões onde está presente.

Acesso a informação legal