NotíciaVolver

22/09/2020

A Iberdrola criou seu Hub Global de Inovação em Redes Inteligentes para liderar a transição energética

  • O centro funcionará como uma plataforma impulsionadora de inovação, combinando a capacidade tecnológica da empresa com a de seus fornecedores, colaboradores e startups
  • Cerca de 200 profissionais desenvolverão atividades de PD&I relacionadas aos novos desafios da rede: digitalização, dados e resposta aos novos modelos de consumo, como a mobilidade elétrica e autogeração A empresa já identificou mais de 120 projetos inovadores, representando 110 milhões de euros
  • A empresa administra 1,2 milhão de quilômetros de linhas de transmissão e mais de 4.400 subestações, fornecendo eletricidade a mais de 30 milhões de pessoas em todo o mundo

A Iberdrola considera que a transição para um novo modelo energético, baseado na eletrificação e na inclusão de mais fontes de energia renovável, exige a aceleração dos investimentos em redes de distribuição de eletricidade. Para atender aos desafios e liderar a inovação na infraestrutura da rede, a empresa anunciou o lançamento de um Hub Global de Inovação em Redes Inteligentes. O hub funcionará como uma plataforma para a promoção de inovação, combinando seus recursos tecnológicos com aqueles de seus fornecedores, colaboradores e startups do mundo inteiro.

No contexto de uma recuperação verde, o hub é projetado para dar suporte a projetos de ponta em tecnologias de redes inteligentes que beneficiem as indústrias locais, promovam a inovação global e atraiam investimentos para incentivar o crescimento das comunidades.

O hub de inovação, localizado na Espanha, no Centro Operacional de Distribuição de Bilbao, iniciará suas operações na primavera europeia de 2021. A Iberdrola já identificou mais de 120 projetos de inovação, representando 110 milhões de euros. As linhas de trabalho, de âmbito internacional, permitirão o desenvolvimento e a implantação de soluções inovadoras para as atividades da rede elétrica da empresa em todo o mundo.

A iniciativa envolverá a colaboração de mais de 200 profissionais para desenvolver os projetos de P&D&I relacionados aos novos desafios das redes de eletricidade. Isso incluirá o aperfeiçoamento da digitalização, da análise de dados e a resiliência e flexibilidade da rede para administrar os novos modelos de consumo, incluindo a mobilidade elétrica e a autogeração. 

O Conselho Provincial de Biscaia está colaborando com esse projeto, o que facilitará o relacionamento entre o ecossistema de inovação e os instrumentos financeiros, acelerando a participação de startups.


Investimento em P&D&I para atender dar conta dos desafios da economia verde.

Na última década, a Iberdrola teve um investimento acumulado de cerca de 2 bilhões de euros em atividades de P&D&I relacionadas a fontes de energia renovável, redes de eletricidade, armazenamento e soluções para o consumidor. Esse compromisso lhe garante o terceiro lugar global entre as empresas mais inovadoras do setor de eletricidade.

Nos últimos dois anos, a empresa desenvolveu 85 projetos de inovação, convertendo-se em líder mundial em tecnologia de redes inteligentes.

Nos últimos anos, as empresas de distribuição do Grupo implantaram cerca de 14 milhões de medidores inteligentes - de um total planejado de 20 milhões - nos mercados em que operam, e adaptaram a infraestrutura elétrica de suporte a essa rede, adicionando recursos de gestão, supervisão e automatização remotas.

A empresa administra 1,2 milhão de quilômetros de linhas de transmissão e mais de 4.400 subestações, distribuindo eletricidade a mais de 30 milhões de pessoas em todo o mundo.

Acesso a informação legal