Internet

Na sociedade da informação em que vivemos, a Internet se converteu na tecnologia decisiva: bilhões de pessoas em todo o mundo têm acesso fácil e imediato a uma quantidade imensa e diversa de informação on-line.

TeInteresa
  • Os nômades digitais são uma tendência em ascensão. As novas tecnologias e o trabalho remoto abriram um mundo de possibilidades para este tipo de perfis. São pessoas que conseguem adaptar suas profissões a seu estilo de vida e circunstâncias pessoais, usufruindo de uma maior flexibilidade para exercê-las desde qualquer lugar do mundo. A seguir, conheceremos um pouco melhor quem são e revisaremos alguns de seus melhores destinos.

  • Mais de 8 bilhões de dispositivos já estão conectados à Internet das coisas — IoT, em suas iniciais em inglês, — e em apenas três anos esse número irá triplicar-se. Os objetos se tornarão inteligentes e o mundo viverá a quarta revolução industrial.

    Conforme dados da empresa Oxford Economics, a Internet Industrial das Coisas (IIoT) pode impactar setores que representam 62 % do PIB nos países do G20. Tais como o setor manufatureiro, energético ou alimentar. A aplicação da IoT na indústria promete se converter no maior impulsionador da produtividade e inovação na próxima década.

  • O deep learning ou aprendizagem profunda baseia-se em um conjunto de algoritmos relacionados ao machine learning e suas aplicações no mundo real são cada vez mais tangíveis (predição de resultados de negócio, evolução de assistentes virtuais, análise de imagens médicas, etc.), atraindo a atenção das empresas devido à sua capacidade para tirar o máximo proveito da inteligência artificial.

    Descubra mais artigos interessantes relacionados

    O smart contract, ou contrato inteligente, está escrito em linguagem virtual e tem a faculdade de ser executado e respeitado por si mesmo, de forma autônoma e automática, a partir de uma série de parâmetros programados. Guiado pela tecnologia blockchain, seu principal valor reside em reforçar a segurança, a transparência e a confiança entre os subscritores, evitando mal-entendidos, falsificações ou alterações e prescindindo de intermediários.