CÁTEDRAS IBERDROLA

Forte apoio ao mundo acadêmico e à inovação tecnológica

Apoiamos a educação, a transferência tecnológica e a universalização dos serviços de energia por meio de diferentes cátedras com universidades.

Cátedras Iberdrola: Tecnologia, Inovação, Energia e Iniciativas.

AS CÁTEDRAS DA IBERDROLA...

Massachusetts Institute of Technology.

Com o Massachusetts Institute of Technology

A Iberdrola-Avangrid e o Massachusetts Institute of Technology assinaram um acordo de cinco anos em que a Iberdrola vai destinar cinco milhões à cátedra da Iberdrola-Avangrid por meio da MIT Energy Iniciative Enlace externo, se abre en ventana nueva..


O objetivo dessa iniciativa é formar uma nova geração de jovens profissionais em engenharia de sistemas elétricos para solucionar a necessidade atual de pesquisa e desenvolvimento de novas tecnologias contra as mudanças climáticas.


A união da Iberdrola — exemplo do potencial do setor elétrico — e do MIT — universidade de referência — é ideal para o desenvolvimento de soluções que permitam fazer a transição para a energia limpa do futuro.

Massachusetts Institute of Technology.
Universidad Pontificia Comillas-ICAI.

Com a Universidade Pontifícia Comillas

A Cátedra Iberdrola de Energia e Inovação da Universidade Pontifícia Comillas — ICAI foi constituída em outubro de 2012 com os seguintes objetivos:


  • Ser um instrumento para formalizar um acordo estável de colaboração entre a Universidade e a Iberdrola para o desenvolvimento de atividades de pesquisa, inovação e formação nas áreas de conhecimento que forem de interesse estratégico para a Iberdrola.
  • A criação de um vínculo universidade-Iberdrola que permita que a parceria tenha um caráter estratégico na área da criação e transferência de conhecimento inovador e que, portanto, vá além do aspecto estritamente econômico.
  • Ser uma ferramenta da universidade para potencializar as pesquisas, o desenvolvimento e inovaão e o ensino, assim como trabalhar em favor de diferentes causas sociais e culturais sem ter que envolver pessoas em tempo integral para a universidade.

Por sua vez, a Cátedra Iberdrola de ética Econâmica e Empresarial foi criada em novembro de 2018 com os seguintes objetivos:


  • Promover o estudo e a divulgação dos conceitos e princípios relacionados à ética empresarial e profissional em todos os seus âmbitos.
  • Desenvolver diferentes linhas de pesquisa nesse campo, constituindo um ponto de encontro entre o mundo acadêmico e o mundo empresarial.
  • Realizar atividades de difusão e divulgação das pesquisas e estudos efetuados através de seminários, encontros, palestras e publicações.
  • Criar um vínculo entre a Universidade e a Iberdrola para permitir que essa parceria tenha um caráter estratégico no campo da criação e transferência de conhecimentos inovadores e, portanto, que vá mais além do âmbito estritamente econâmico.

A cátedra, que já conta com um percurso de 15 anos de reflexão e pesquisa sobre assuntos relacionados à ética empresarial e à responsabilidade social empresarial, terá uma vigência inicial de três anos letivos. Na direção continuará José Luis Fernández, professor do Departamento de Gestão Empresarial da Faculdade de Ciências Econâmicas e Empresariais (Comillas ICADE), e dela participarão dois diretores da Iberdrola: Dolores Herrera, diretora de Compliance, e Agustín Delgado, diretor de Inovação, Sustentabilidade e Qualidade.


Da mesma forma, a Iberdrola — através de sua Fundação na Espanha — a Empresa Municipal de Transportes de Madri (EMT) e a Universidade Pontifícia Comillas criaram a Cátedra Mulher STEM Sustentabilidade Mobilidade. Seus principais objetivos são:


  • Promoção da mulher em vocações STEM (a sigla é um acrânimo em inglês usado para designar os cursos relacionados à ciência, tecnologia, engenharia e matemática), em particular no âmbito da formação profissional para a mobilidade sustentável, fornecendo os meios necessários para sua realização.
  • Pesquisa para identificar as causas da reduzida participação das mulheres nos estudos relacionados às áreas STEM.
  • Avaliação do grau de adequação dos conteúdos acadêmicos em relação às vagas existentes na EMT e na Iberdrola.
  • Promoção da mudança cultural e social necessária para incentivar a inclusão da mulher.
  • Elaboração de um estudo de empregabilidade, qualidade e perfis de sucesso nos cursos STEM.

A Iberdrola e a EMT financiarão o montante da Cátedra, enquanto a Universidade Pontifícia Comillas proporcionará seus centros para a realização de todas as atividades educativas.


Durante os dois próximos anos, entre outras ações já definidas, serão elaborados relatórios de análise da situação na Espanha e outros países com iniciativas de sucesso, serão realizadas jornadas de orientação vocacional para as disciplinas STEM entre meninas e jovens, assim como workshops interdisciplinares para promover o desenvolvimento dessas competências e se colaborará na criação de projetos que produzam pesquisa e inovação no âmbito da educação com o objetivo de fomentar as competências STEM.


A primeira reunião do grupo de trabalho ocorreu em outubro de 2020 e contou com a presença de S. M. a Rainha Letizia.


Universidad Pontificia Comillas-ICAI.
Tecnológico de Monterrey.

Com o Tecnológico de Monterrey

A Iberdrola-México e o Instituto Tecnológico de Monterrey constituíram uma cátedra focada no compromisso com os jovens e com a inovação tecnológica.


A iniciativa busca incentivar estudantes e pesquisadores a colaborarem com projetos de P&D que contribuam para o objetivo da empresa de gerar energia elétrica limpa, natural e do futuro.

Tecnológico de Monterrey.
Universidad de Strathclyde.

Com a Universidad de Strathclyde

Constituída pela ScottishPower com a Universidad de Strathclyde em 2007, a cátedra Enlace externo, se abre en ventana nueva. promove pesquisas para abordar alguns dos desafios do setor energético e serve de base para reforçar o impacto internacional e os consórcios industriais dessa área da engenharia.

Universidad de Strathclyde.
Universidad de Salamanca.

Com a Universidade de Salamanca

A Cátedra Iberdrola VIII Centenário da Universidade de Salamanca Enlace externo, se abre en ventana nueva. surgiu em 2016 como um marco que formaliza a colaboração entre as duas organizaãões e promove a educação, a pesquisa e a inovação em áreas de conhecimento de especial interesse para as duas entidades.


O principal objetivo da cátedra é fomentar a transferência tecnológica universidade-empresa, estabelecendo um marco da colaboração para o lançamento de projetos de P&D e iniciativas de treinamento em áreas de interesse comum. A cátedra também tem como objetivo favorecer a formação especializada nas áreas de conhecimento de maior interesse para a Iberdrola, assim como a execução de outras atividades sociais e culturais.


Durante o primeiro ano de trabalho, a equipe de Susana Lagüela, diretora da cátedra, desenvolveu uma ferramenta baseada em dados geoespaciais públicos para o cálculo automático da geração solar em telhados, criada com o objetivo de otimizar uma instalação solar fotovoltaica que se adapte às necessidades dos usuários. O sistema, chamado de ENER3DMapEnlace externo, se abre en ventana nueva., foi apresentado em dezembro de 2018.


Além disso, a Universidade de Salamanca — em colaboração com a Universidade Complutense de Madrid — desenvolveu um estudo inovador que contribui para a otimização das redes de distribuição elétrica, reduzindo seus impactos ambientais. De forma mais específica, a partir de informações ambientais e técnicas, os pesquisadores criaram uma ferramenta digital que oferece uma estimativa confiável do risco existente para as aves de rapina das linhas de energia que fazem parte da rede elétrica de Castela e Leão, que é gerenciada pela Iberdrola e faz parte da área submetida ao estudo.


A Cátedra Iberdrola VIII Centenário é a primeira das Cátedras Oitavo Centenário incluídas no Programa de Excelência da Universidade (USAL), aprovado pela Comissão Interinstitucional para comemorar os oito séculos de existência da USAL em 2018. O objetivo é criar unidades de pesquisa, ensino e transferência de conhecimento, projetado para incorporar pesquisadores de prestígio na instituição acadêmica por meio de um sistema de parceria público-privada.


A área de atuação da cátedra é a análise e viabilidade de tecnologias e modelos de negócios para um mundo energético descarbonizado e eletrificado. A cátedra será desenvolvida dentro de um prazo de dois anos, que podem ser estendidos.

Universidad de Salamanca.
Otras cátedras.

Outras cátedras

CÁTEDRA IBERDROLA MANUEL MARÍN NO COLÉGIO DA EUROPA


A Cátedra de política energética europeia da Europa, que desde 2018 tem o nome de Cátedra Iberdrola Manuel Marín, tem o objetivo de ensinar, pesquisar e debater as políticas energéticas da União Europeia. As principais atividades promovidas pela cátedra incluem: uma disciplina sobre política energética; a organização de conferências de alto nível com atores fundamentais do processo legislativo da política energética, assim como seminários e workshops; trabalhos de pesquisa; e, por fim, estreitar a relação entre instituições europeias e associações de referência.


CÁTEDRA ORKESTRA ENERGIA (INSTITUTO BASCO DE COMPETITIVIDADE) - FUNDAÇÃO DEUSTO


A Orkestra é uma iniciativa do Instituto Basco de Competitividade, que pertence à Fundação Deusto, uma entidade dedicada à transferência de conhecimento científico para a sociedade. Por meio dessa entidade, a Iberdrola participa dando apoio institucional à Cátedra de Energía Enlace externo, se abre en ventana nueva., criada em 2011, que trabalha em torno de quatro blocos temáticos:


  • Energia e economia de mercado.
  • Transporte e energia.
  • Energia, tecnologia e indústria: competitividade e desenvolvimento industrial.
  • Geopolítica da energia.

CÁTEDRA IBERDROLA-UPM PARA OS OBJETIVOS DE DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL


A cátedra foi criada em resposta ao apelo da comunidade internacional aos governos, empresas, sociedade e mundo acadêmico para unir forças em prol da ampliação do acesso global a formas modernas de energia por meio de modelos de oferta que sejam ambientalmente sustentáveis, economicamente viáveis e socialmente inclusivos. A Iberdrola e a Universidade Politécnica de Madri (UPM), por meio de seu Centro de Inovação em Tecnologia para o Desenvolvimento Humano (itdUPM) Enlace externo, se abre en ventana nueva., unem forças para formar, disseminar e identificar eventuais ações de P&D que possam dar origem a projetos inovadores na área da universalização dos serviços de energia.


Vídeo Cátedra Iberdrola - UPM Enlace externo, se abre en ventana nueva.


CÁTEDRA REI FELIPE VI EDE TECNOLOGIAS DA INFORMAÇÃO E SUAS APLICAÇÕES


O propósito da cátedra Enlace externo, se abre en ventana nueva. criada no ano 2000 na Universidade do Novo México (UNM) é o desenvolvimento da pesquisa e do avanço do conhecimento em áreas concretas da ciência, da tecnologia da informação e da energia, preferencialmente em áreas como redes inteligentes, energias alternativas e renováveis.


Otras cátedras.