GESTÃO SUSTENTÁVEL DE EVENTOS

Somos pioneiros na gestão sustentável de eventos

A Iberdrola foi a primeira empresa do IBEX 35 (principal índice de referencia da bolsa espanhola) que ampliou o alcance de seu sistema de gestão de eventos sustentáveis sob o certificado ISO 20121 incluindo suas Apresentações de Resultados e o Capital Markets Day. A companhia já foi pioneira nesse âmbito em 2016, ao ser também a primeira empresa do IBEX 35 e a primeira empresa elétrica entre as dez maiores do mundo que obteve o selo da AENOR para seu sistema de gestão de eventos sustentáveis, que então abrangia apenas a Assembleia Geral de Acionistas e que, atualmente, inclui seus demais eventos corporativos.

A Associação Espanhola de Padronização e Certificação (AENOR) outorgou o certificado ISO 20121:2013 de eventos sustentáveis [PDF] à Assembleia Geral de Acionistas, as Apresentações de Resultados e o Capital Markets Day da Iberdrola. Deste modo, a companhia se torna a primeira empresa que certifica pela AENOR esses eventos corporativos sob um mesmo sistema de gestão.

Este reconhecimento certifica que os eventos da Iberdrola, em todo seu alcance, maximizam os impactos positivos nos três âmbitos da sustentabilidade: econômico, social e ambiental. Assim, através de seu sistema de gestão sustentável, a companhia procura que seus principais eventos corporativos gerem lucros econômicos, sociais e ambientais para a comunidade. E, para isso, promove as contratações de pessoas em risco de exclusão, apoia os fornecedores locais e diminui o impacto ambiental dos eventos, entre outras muitas medidas.

Além disso, essa certificação responde a sua Política de gestão sustentável, na qual estabelece que os eventos do grupo deverão cumprir escrupulosamente todos os requisitos aplicáveis em cada caso — incluindo, especialmente, a legislação sobre segurança e saúde, ruídos, resíduos, privacidade e proteção de dados de caráter pessoal —, bem como promover a acessibilidade, a inclusão e a não-discriminação em seu planejamento e execução.

A Iberdrola continua, desta maneira, com o intuito de cumprimento dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) das Nações Unidas.

O QUE É A A NORMA ISO 20121?

Independentemente de seu caráter, todos os eventos causam um impacto ambiental, econômico e social nas comunidades onde ocorrem. O lado positivo dos eventos é sua notável contribuição para a economia local. Do outro lado da moeda, o alto consumo de energia e água nesse tipo de acontecimento, assim como a grande quantidade de resíduos gerados pela organização e pelos participantes representam seu impacto mais negativo.

Para resolver tal problema, a maior desenvolvedora mundial de normas internacionais, a International Organization for Standardization (ISO), publicou por ocasião dos Jogos Olímpicos de Londres — concretamente no dia 15 de junho de 2012 — a norma ISO 20121:2012: Sistemas de Gestão da Sustentabilidade de Eventos. Trata-se de uma norma voluntária criada para ajudar os organizadores de eventos a melhorar sua sustentabilidade ao longo de cada etapa: projeto, planejamento, realização, implementação, revisão e atividades posteriores ao evento sustentável.

A finalidade dessa norma não é certificar um evento em si, mas sim o sistema de gestão da empresa que o organiza para garantir que este seja efetuado seguindo critérios de sustentabilidade. Para conceder a certificação, a ISO verifica se o sistema de gestão de eventos de uma empresa foi concebido de acordo com a norma ISO 20121 e se funciona de forma eficiente.

O membro espanhol da ISO e, consequentemente, a entidade encarregada de conceder a certificação de evento sustentável na Espanha é a AENOR, responsável também pelo desenvolvimento e divulgação das normas UNE. A norma espanhola UNE-ISO 20121:2013 é equivalente à ISO 20121:2012.

BENEFÍCIOS DA CERTIFICAÇÃO ISO 20121

Entre os benefícios intrínsecos à certificação ISO 20121 cabe destacar:

 Ajuda a diminuir a pegada de carbono do evento.

 Reduz os custos do evento graças à otimização do consumo de recursos.

 Melhora a reputação corporativa.

 O compromisso com o meio ambiente motiva os empregados e atrai e retém o talento.

 Melhora o controle da cadeia de valor.

 Contribui para a economia local.