Usinas fotovoltaicas em Cedillo

Usinas fotovoltaicas em Cedillo: um desafio de engenharia com o mínimo impacto ambiental

Instalações operacionais Energia fotovoltaica

Como parte do nosso compromisso com as energias renováveis na Espanha, iniciamos as operações de duas usinas fotovoltaicas em Cedillo, na Extremadura, com uma capacidade instalada combinada de 100 MW, que se juntarão a uma nova usina de 375 MW atualmente em construção. Estas instalações foram projetadas para causar o menor impacto ambiental possível.

Cedillo
Projeto em andamento

Usinas fotovoltaicas de cedillo

Ubicación
Localização Cedillo (Extremadura, Espanha)
Capacidad instalada
Capacidade total instalada 375 MW
Puestos de trabajo
Empregos locais 800
Producción
Produção estimada 582.456 MWh por ano

A usina fotovoltaica de Cedillo abastecerá 178.000 residências com energia limpa

Nosso novo grande projeto fotovoltaico de 375 MW, localizado na cidade de Cedillo, na província espanhola de Cáceres, é uma usina que terá capacidade suficiente para abastecer 178.000 residências com energia limpa, uma quantidade comparável e até maior do que a população de Badajoz. Além disso, sua entrada em operação evitará a emissão de 77.000 toneladas de CO2 por ano.

A instalação terá mais de 576.000 painéis fotovoltaicos bifaciais, que são mais eficientes por oferecerem uma área de superfície mais útil para a captação da energia solar. A produção estimada desta usina é de 582.456 MWh de energia 100% verde por ano.

Para sua construção, contamos com a participação de fornecedores locais como a Faramax, de Malpartida de Plasencia, que proporcionará os transformadores; a IMEDEXA, de Casar de Cáceres, que contribui com as torres das linhas de transmissão para escoamento; e a Ecoenergías del Guadiana, responsável pelos estudos ambientais. Estes trabalhos implicam em uma significativa criação de empregos locais, com a geração de até 800 postos de trabalho durante os períodos de pico.

A energia produzida pela usina será conectada por meio de uma subestação encapsulada que também atende às outras duas instalações fotovoltaicas em Cedillo, com uma capacidade combinada de 100 MW, e a uma usina hidrelétrica de quase 500 MW no mesmo município. 

Essa subestação representou um grande desafio tecnológico e logístico para garantir o mínimo impacto ambiental na região do Parque Natural do Tejo Internacional, uma área protegida entre a Espanha e Portugal. Fabricada na Itália e transportada em contêineres que pesam mais de 50 toneladas, essa infraestrutura ocupa apenas 300 m2, em comparação com os 10.000 m2 de terreno normalmente necessários para equipamentos desse tipo. 

Cedillo
Instalaçao operacional

Fotovoltaica Majada Alta e San Antonio

Ubicación
Localização Cedillo (Extremadura)
Producción
Potência 50 MW + 50 MW
Puesta en marcha
Entrada em funcionamento 2022

Usinas de Majada Alta e San Antonio, em Cedillo

As usinas fotovoltaicas Majada Alta e San Antonio, na cidade de Cedillo, na província de Cáceres, têm uma capacidade instalada combinada de 100 MW (50 MW cada). Essa instalação entrou em operação em agosto de 2022.

A construção exigiu que superássemos desafios logísticos significativos para garantir que uma instalação essencial para o sistema energético tivesse um impacto ambiental mínimo. A empresa empreendeu uma solução complexa para distribuir conjuntamente a energia produzida por essas usinas fotovoltaicas e a usina hidrelétrica de quase 500 MW também localizada no município para garantir o mínimo impacto no meio ambiente do Parque Natural do Alto Tajo, uma área protegida entre a Espanha e Portugal.

Diante desse desafio, a Iberdrola instalou uma subestação encapsulada de 300 kV fora do local, na Itália. Antes de ser montada no local, essa instalação empreendeu uma complexa viagem de barco de Veneza a Sevilha, atravessando as águas do Guadalquivir e, de lá, percorreu a Andaluzia e a Extremadura em grandes caminhões.

A subestação foi inserida em contêineres colocados em uma estrutura de seis metros de profundidade, através da qual todos os cabos que distribuem a energia para a rede são conectados. Cada um desses contêineres pesa mais de 50 toneladas e para colocá-los sem interferir nas quatro linhas de transmissão da usina hidrelétrica, foram necessários grandes guindastes suspensos. Foi um desafio de alta tensão alcançado graças ao envolvimento de mais de 300 trabalhadores locais.

Esta infraestrutura inovadora também atende à usina fotovoltaica de Cedillo descrita acima. Dessa forma, evita-se a instalação de mais redes de evacuação, o que favorece novamente a redução do impacto ambiental e a integração no território. 

Vídeo da construção das duas fábricas, chamadas Majada Alta e San Antonio.

E, além disso, você pode se interessar:

Você sabe o que é um PPA?

Um PPA (Power Purchase Agreement) é um acordo ou contrato de compra e venda de energia. 

Firme respeito pelo meio ambiente e pelo patrimônio cultural

O compromisso da Iberdrola com o meio ambiente e o respeito ao patrimônio histórico e cultural é particularmente relevante na construção de projetos como o de Cedillo. Além de realizar desafios técnicos importantes para minimizar o impacto na natureza, a empresa trabalha para conservar descobertas importantes nas proximidades do projeto. 

Durante a limpeza do terreno antes da construção, que foi realizada em conformidade com o monitoramento arqueológico exigido pela regulamentação da Junta da Extremadura, foram localizados e descobertos uma necrópole pré-romana e um dólmen. A necrópole (do século V) tem 32 túmulos e seis arqueólogos trabalharam nela, encarregados de resgatar, catalogar e documentar a descoberta com o objetivo de colocá-la à disposição da Junta da Extremadura. Estima-se que o dólmen tenha entre 3.500 e 4.000 anos de idade.

A Iberdrola também descobriu uma estela funerária que foi transferida para o Museu Provincial de Cáceres, e está trabalhando com as autoridades na possibilidade de transformar essas descobertas em um ponto de interesse turístico.

Iberdrola, líder mundial em energias renováveis

Na Iberdrola, estamos comprometidos com as energias renováveis há mais de duas décadas como um pilar fundamental sobre o qual construir nosso modelo de negócios seguro, limpo e competitivo. Graças a essa visão, hoje somos líderes mundiais em energias renováveis, alcançando 42.387 MW de energia limpa em operação após o primeiro trimestre de 2024.

Esse compromisso está refletido em nosso Plano Estratégico, no qual destinaremos 15,5 bilhões de euros brutos para energias renováveis. Desse total, mais da metade terá como foco a energia eólica offshore nos EUA, no Reino Unido, na França e na Alemanha, sendo que 28% será designado à energia eólica onshore e 18%, à energia solar.