O que é um medidor inteligente e para que ele é usado?

MEDIDORES INTELIGENTES

Medidores inteligentes: uma peça básica para a digitalização da rede

Um medidor inteligente fornece informações detalhadas dos consumos para poder reduzir a fatura elétrica e, além disso, aumentar o conhecimento sobre o estado da rede elétrica, o que melhora suas aplicações e a qualidade de serviço para os clientes. No caminho da evolução rumo a uma rede inteligente (smart grid), a Iberdrola instalou e continua instalando milhões destes equipamentos em todos os países onde controla redes de distribuição.

Contadores inteligentes
Os medidores inteligentes oferecem numerosos benefícios aos clientes e ajudam a combater as mudanças climáticas.

O QUE É UM MEDIDOR INTELIGENTE E QUAL É A SUA FUNÇÃO

Um medidor inteligente é uma peça fundamental para saber o estado da rede elétrica, o que permite melhorar as aplicações e a qualidade de serviço dos clientes. Além disso, facilita que estes últimos saibam como seus hábitos de consumo afetam a fatura elétrica e, desta forma, gerenciem o consumo escolhendo a tarifa mais conveniente às suas necessidades, reduzindo o montante com ações de eficiência energética.

Igualmente, os medidores inteligentes são fundamentais para aumentar a penetração da geração elétrica distribuída, o que, além de permitir aos clientes gerarem suas próprias energias, é fundamental na estratégia para reduzir a pegada de carbono e combater o aquecimento global.

CARACTERÍSTICAS DOS MEDIDORES INTELIGENTES

O medidor tradicionalmente utilizado para medir o consumo de energia tinha funções que, basicamente, se reduziam à realização da medida e armazenamento do valor total acumulado. A evolução das redes para as redes inteligentes (smart grids) implica, entre outras coisas, substituir os medidores tradicionais por medidores inteligentes, facilitando que os clientes usufruam das melhores aplicações e de novos serviços.

Os medidores inteligentes incluem o interruptor limitador de potência, o que faz com que não tenha que ser instalado dentro do próprio quadro elétrico do cliente, melhorando a resposta e a capacidade de atuação. Também dispõem de uma interface de telecomunicações para a comunicação remota entre os sistemas centrais e o medidor, o que permite fazer a leitura e executar operações de forma remota, como o envio de novas tabelas tarifárias, a modificação dos parâmetros associados aos contratos e a configuração do próprio medidor, assim como a atuação do interruptor interno.

Os notáveis progressos tecnológicos mencionados permitem que os medidores inteligentes realizem novas funções:

 Múltiplos registros de energia e múltiplas tarifas

Os medidores inteligentes armazenam os consumos de energia a cada hora ou, inclusive, com maior granularidade. Isto possibilita faturar o consumo de cada período de tempo com uma tarifa diferente, de tal maneira que cada cliente possa escolher a opção que lhe permita minimizar sua fatura em função de seu perfil de consumo. Além disso, é uma ferramenta útil para incentivar um consumo responsável.

 Gestão simultânea de vários contratos

Os Recursos Energéticos Distribuídos (Distributed Energy Resources, DER) são uma ferramenta importante no combate contra as mudanças climáticas e os medidores inteligentes são essenciais para facilitar a integração das energias renováveis, especialmente a energia fotovoltaica a partir de pequenas instalações em residências e outros pequenos consumidores. Assim sendo, os clientes obtêm as vantagens de gerar sua própria energia (autoconsumo fotovoltaico), ao mesmo tempo que conservam as de permanecer conectados à rede de distribuição elétrica. Esta integração, em parte graças aos medidores inteligentes, permite o gerenciamento simultâneo dos contratos de compra e venda de energia.

 Múltiplos registros de eventos de qualidade do fornecimento

Além de armazenar as medidas dos consumos de energia, os medidores inteligentes permitem coletar informações sobre a situação da rede elétrica em tempo real. Entre outros fatores, mas não só isso, identificam interrupções de fornecimento, voltagens ineficientes e conexões incorretas. Isto possibilita melhorar consideravelmente a qualidade do fornecimento e o tempo de localização e reposição de avarias, beneficiando de novo os clientes.

Todas as funcionalidades mencionadas são possíveis graças a outro dos progressos tecnológicos incluídos nos medidores inteligentes. Este não é mais do que a possibilidade de enviar as leituras de maneira automática através da rede de telecomunicações, de tal maneira que estejam disponíveis para que os serviços centrais possam processar automaticamente dita informação e para que os clientes possam consultá-las a partir de diferentes dispositivos.

Além disso, a Iberdrola participou da criação do standard internacional que define a tecnologia de telecomunicações utilizada pelos medidores inteligentes, sendo pioneira mundial em sua implantação. Dito standard aberto permite sua implementação por diversos fornecedores, conseguindo uma plena interoperabilidade de extremo a extremo.

Definitivamente, as características dos medidores inteligentes permitem proporcionar um serviço superior aos clientes, melhorando a qualidade de fornecimento e oferecendo uma série de novas funcionalidades para que o cliente seja capaz de controlar e otimizar seu consumo elétrico.

O FUTURO DOS MEDIDORES INTELIGENTES

Se o presente dos medidores inteligentes é prometedor, mais ainda será seu futuro. As novas gerações de medidores terão funcionalidades agregadas, entre as quais se destacam:

  • Capacidade de proporcionar informação aos clientes em tempo quase real (em torno a dezenas de segundos), através dos sistemas centrais ou de um canal de comunicações com um In-home Display, por exemplo.
  • Aumento dos parâmetros de rede medidos e da frequência de medição, melhorando o gerenciamento da rede de BT: curvas de quarto de horas que, entre outras coisas, permitem melhorar os processos de planejamento, eventos adicionais, curvas de tensão, etc.
  • Capacidade de processamento distribuído (edge computing), processando a medida localmente com muito mais granularidade e permitindo casos de uso adicionais, entre os quais se destacam: detecção da geração distribuída ou veículo elétrico, identificação de linha e fase dos medidores, desagregação de cargas, gestão da demanda, etc.
Contadores inteligentes
Os benefícios dos medidores inteligentes e seu impacto nos clientes.

 VER INFOGRÁFICO: Os benefícios dos medidores inteligentes e seu impacto nos clientes [PDF] Link externo, abra em uma nova aba.

Em definitivo, o medidor inteligente está no centro da transformação da rede elétrica na rede inteligente. Os dados coletados nesses dispositivos estão permitindo o uso de outras tecnologias digitais, como edge computing, cloud computing, inteligência artificial ou big data, para a operação e exploração da rede, melhorando assim a experiência dos clientes.